Às vezes 

Às vezes da vontade de parar. De respirar, de repensar, reavaliar. As relações, a carreira, a vida. De recuperar o fôlego, de pausar. O trabalho, os estudos, o dia a dia.

E às vezes, da vontade de recomeçar..

Anúncios

Inspira, Respira, Não pira!

Inspira Respira Nao Pira.jpg

 

Sou do tipo de pessoa que quero fazer tudo ao mesmo tempo. Escrevo aqui enquanto cozinho durante uma reunião via call e ao mesmo tempo jogo a bolinha pro meu cachorro brincar. Equilibro os pratos e não suporto ver eles cair. E não basta mantê-los equilibrados: quero que eles girem perfeitamente bem.

Sou virginiana, perfeccionista e extramamente organizada. E planejada. E sou de uma geração que não sabe ser especialista em uma coisa só. Queremos ser polivalentes, ter mil e uma funções, desenvolver mil e um lados. O que não é ruim. Só é perigoso.

Sempre fui muito crítica e principalmente muito analítica. O que significa que tudo é muito pensado, planejado, não sou de impulsos. E ontem? Surtei, joguei meu celular no chão e a tela quebrou em mil pedaços.

Não me considero uma pessoa explosiva. Sou zero impulsiva. Sou estressada, mas sou extremamente racional. E por quê essa essa explosão? Porque estava equilibrando tantos pratos há tanto tempo que não aguentei. É humanamente impossível realizar tantas tarefas. À longo prazo, vai dar m*.

Na vida, pra dar certo, precisamos ter prioridades. Até porquê, ao longo da vida, vamos acumulando responsabilidades. De um ano pra cá, acumulei diversas: cuidar da casa, cuidar do cachorro, cuidar do casamento, pagar algumas contas (antes vivia com meus pais e apesar de me bancar há alguns anos, não precisava pagar contas – e isso muda tudo).

E prioridade é bem como o nome diz: são poucas. E não se engane: ter um tempo pra você não é luxo, é prioridade. Porque se você não tiver um tempo pra você, você não vai ser efetiva em nenhuma das outras coisas. É sua sanidade mental.

Ter um tempo pra você é prioridade. Ter um tempo pras pessoas que você gosta (família, amigos) é prioridade. E o resto? Vai de cada um: trabalho, estudo, projetos pessoais. E na nossa geração de mil e um projetos, não se engane: só um projeto é prioridade. O resto é realmente em segundo plano. Ou nenhum dos dois sairá do papel.

E vamos continuar equilibrando pratos. Só não precisam ser TANTOS pratos. E vamos continuar surtando de vez em quando. E é até bom (só de vez em quando) pra gente refletir e reavaliar nossas prioridades. E vamos continuar naquele velho mantra: inspira, respira, não pira!

Quando a rotina te atropela

Rotina

Você faz as coisas no automático. Quando a rotina te atropela, você larga os sonhos pela metade. Quando a rotina te atropela, você foca no que você tem obrigação de fazer, e não no que você gostaria de fazer. Quando a rotina te atropela, você fica em segundo plano. Seus planos ficam em segundo plano. Seus projetos pessoais ficam em segundo plano. E quem sai perdendo é você.

A rotina me atropelou. Não deixo mais….